Artistas transformam rolhas de vinho em obras de arte
17 de Maio de 2012 • Atualizado às 06h02

São impressionantes as diversas possibilidades para reutilizar materiais que a maioria das pessoas considera lixo. Atentos a este fato, artistas criam infinitas peças a partir de rolhas de cortiça. Conheça quatro trabalhos feitos com tais produtos.

Jan Elftman é considerada a rainha das rolhas. Em uma de suas criações, ela colocou dez mil rolhas de vinho em volta de uma caminhonete. A ideia faz parte de uma série de trabalhos de arte em carros. As rolhas de cortiça foram recolhidas no restaurante em que ela trabalhou por 13 anos. Se a moda pegasse, o material seria útil para o automóvel, uma vez que tem a vantagem de ser impermeável.

A artista também desenvolve arte educacional para crianças e museus. Seu trabalho é feito em Minneapolis e St. Paul, nos Estados Unidos. “Uma parte importante do meu processo é recolher os componentes. As pessoas colaboram com o meu trabalho desde o início. O público também me ajuda a coletar os objetos que veem no meu trabalho”. Algumas pessoas entregam os produtos pessoalmente, enquanto outros deixam na porta da casa da artista ou colocam em sua caminhonete e há também os que enviam de vários cantos do país.

O designer alemão Wiese Gabriel prefere focar em trabalhos que tenham utilidades mais reais e assim criou uma cadeira feita a partir de rolhas. Com a ajuda de barras de aço, ele conseguiu fixar todo o material no móvel. A poltrona tem um design muito diferente e é aparentemente confortável. O objetivo dele é transformar uma simples rolha de cortiça em um objeto de arte. Gabriel já fez tapetes, tabuleiros de xadrez, entre outros projetos.

Na Albânia, um estilista criou uma incrível obra de arte com 230 mil rolhas de vinho. A peça, que fica exposta na cidade, mostra uma mulher tocando violão e tornou-se uma atração turística no país. Há outros trabalhos interessantes deste artista, um deles é a criação de uma peça de 25 metros quadrados usando grãos de café. Ele também já fez mosaicos com palitos de dente e pregos. Suas obras lhe renderam vários recordes mundiais.

O designer americano Scott Gundersen substitui os pincéis convencionais por rolhas de cortiça. Através de sua técnica inovadora, ele consegue um resultado excelente em suas obras ao reproduzir, por exemplo, uma fotografia com nuances de tonalidade e sombra que impressionam, pois teve apenas um esboço em lápis antes de ser coberto. 

Com informações do GreenDiary.

Redação CicloVivo



Faça você mesmo

institucional capa | quem somos | cadastre-se | sugestão de pauta | como anunciar | contato
canais meio ambiente | tecnologia | arquitetura | mídia e negócios | desenvolvimento | vida sustentável | cidadania | bike | faça você mesmo | vídeos |

CicloVivo - Plantando notícias | Todos direitos reservados 2013.