Cineasta James Cameron chega ao ponto mais profundo do oceano
26 de Março de 2012 • Atualizado às 06h50

<p>
	James Cameron levou duas horas e 36 minutos para chegar ao ponto mais profundo do oceano, situado a aproximadamente 11 km do n&iacute;vel do mar, permaneceu l&aacute; por duas horas e voltou em 70 minutos. l Foto: <a href=&quot;http://news.nationalgeographic.com/news/2012/03/pictures/120308-james-cameron-deepest-mariana-trench-challenger-science-sub/&quot; target=&quot;_blank&quot;>Mark Thiessen/National Geographic</a></p>

<p> James Cameron levou duas horas e 36 minutos para chegar ao ponto mais profundo do oceano, situado a aproximadamente 11 km do n&iacute;vel do mar, permaneceu l&aacute; por duas horas e voltou em 70 minutos. l Foto: <a href=&quot;http://news.nationalgeographic.com/news/2012/03/pictures/120308-james-cameron-deepest-mariana-trench-challenger-science-sub/&quot; target=&quot;_blank&quot;>Mark Thiessen/National Geographic</a></p>

<p>
	Foto: <a href=&quot;http://news.nationalgeographic.com/news/2012/03/pictures/120308-james-cameron-deepest-mariana-trench-challenger-science-sub/&quot; target=&quot;_blank&quot;>Mark Thiessen/National Geographic</a></p>

<p> Foto: <a href=&quot;http://news.nationalgeographic.com/news/2012/03/pictures/120308-james-cameron-deepest-mariana-trench-challenger-science-sub/&quot; target=&quot;_blank&quot;>Mark Thiessen/National Geographic</a></p>

<p>
	Foto: <a href=&quot;http://news.nationalgeographic.com/news/2012/03/pictures/120308-james-cameron-deepest-mariana-trench-challenger-science-sub/&quot; target=&quot;_blank&quot;>Mark Thiessen/National Geographic</a></p>

<p> Foto: <a href=&quot;http://news.nationalgeographic.com/news/2012/03/pictures/120308-james-cameron-deepest-mariana-trench-challenger-science-sub/&quot; target=&quot;_blank&quot;>Mark Thiessen/National Geographic</a></p>

<p>
	Foto: <a href=&quot;http://news.nationalgeographic.com/news/2012/03/pictures/120308-james-cameron-deepest-mariana-trench-challenger-science-sub/&quot; target=&quot;_blank&quot;>Mark Thiessen/National Geographic</a></p>

<p> Foto: <a href=&quot;http://news.nationalgeographic.com/news/2012/03/pictures/120308-james-cameron-deepest-mariana-trench-challenger-science-sub/&quot; target=&quot;_blank&quot;>Mark Thiessen/National Geographic</a></p>

<p>
	Foto: <a href=&quot;http://news.nationalgeographic.com/news/2012/03/pictures/120308-james-cameron-deepest-mariana-trench-challenger-science-sub/&quot; target=&quot;_blank&quot;>Mark Thiessen/National Geographic</a></p>

<p> Foto: <a href=&quot;http://news.nationalgeographic.com/news/2012/03/pictures/120308-james-cameron-deepest-mariana-trench-challenger-science-sub/&quot; target=&quot;_blank&quot;>Mark Thiessen/National Geographic</a></p>

<p>
	Foto: <a href=&quot;http://news.nationalgeographic.com/news/2012/03/pictures/120308-james-cameron-deepest-mariana-trench-challenger-science-sub/&quot; target=&quot;_blank&quot;>Mark Thiessen/National Geographic</a></p>

<p> Foto: <a href=&quot;http://news.nationalgeographic.com/news/2012/03/pictures/120308-james-cameron-deepest-mariana-trench-challenger-science-sub/&quot; target=&quot;_blank&quot;>Mark Thiessen/National Geographic</a></p>

O cineasta de Hollywood, James Cameron, tornou-se o primeiro ser humano a fazer uma viagem para a parte mais profunda do oceano. O local, chamado Challenger Deep (desafio das profundezas, em português), faz parte da Fossas Marianas, no Oceano Pacífico ocidental, na Micronésia.

O diretor vencedor do Oscar com Titanic e Avatar chegou ao ponto mais profundo do oceano, situado a aproximadamente 11 quilômetros do nível do mar, às 07h52 desta segunda-feira (horário local).

Segundo a rede internacional CNN, Cameron levou duas horas e 36 minutos para chegar à zona mais profunda do oceano. Ele passou duas horas observando e coletando amostras de material para pesquisa e, em seguida, reapareceu depois de uma subida que durou 70 minutos.

"Foi apenas sete anos para chegar a este ponto, eu comecei a trabalhar no submarino quando eu ainda estava terminando Avatar, então vamos ver”, disse Cameron na véspera de sua missão em alto-mar ao site da revista People. Com a missão, Cameron bateu um recorde que não era tentado desde 1960, quando Jacques Piccard e Don Walsh usaram o submarino Trieste para ir às profundezas do Oceano, onde ficaram por 20 minutos. Na ocasião, a dupla não conseguiu fazer imagens pela pouca visibilidade.

"Acabo de chegar ao ponto mais profundo do oceano", Cameron twittou quando chegou ao Challenger Deep. "Chegando ao fundo, nunca me senti tão bem. Não posso esperar para compartilhar o que eu estou vendo com vocês."

Cameron fez a viagem no Deapsea Challenge, submarino de alta tecnologia que ele e uma equipe de engenheiros, em parceria com a National Geographic, construíram ao longo dos últimos sete anos - e que pode suportar pressão de até 2.857 quilogramas por centímetro. Além disso, ele é equipado com uma torre de iluminação de LED, câmeras 3D e um braço que coleta amostras do fundo do oceano.

O diretor canadense é um apreciador das águas profundas. Ele passou seu aniversário de 56 anos, em agosto de 2010, em uma viagem ao fundo do lago Baikal na Rússia, o mais antigo e profundo do mundo.

Confira o vídeo anterior à missão (em inglês):

Redação CicloVivo



Faça você mesmo

institucional capa | quem somos | cadastre-se | sugestão de pauta | como anunciar | contato
canais meio ambiente | tecnologia | arquitetura | mídia e negócios | desenvolvimento | vida sustentável | cidadania | bike | faça você mesmo | vídeos |

CicloVivo - Plantando notícias | Todos direitos reservados 2013.